Páginas

domingo, 20 de novembro de 2011

Língua


Se pensarmos que as imagens usadas em publicidade são criadas exclusivamente para vender produtos, perdemos seu principal efeito: motivar o consumo. No anúncio para o restaurante chinês Hung Ding Xuen, a mensagem: comida quente  "São geralmente os defeitos, as bobagens e as frases que nunca disseram o que realça a celebridade dos grandes homens", disse o escritor argentino Ernesto Sabato. Por exemplo, Albert Einstein é famoso pela frase tudo é relativo e por seus cabelos; a frase é equivocada, os cabelos e as histórias sobre suas fotos não têm nada a ver com a genialidade do físico alemão Fotografia produzida por Erich Klemm, impressa e distribuída em mala direta para divulgação de seu portfólio  Criado pelo designer americano James Victore, o cartaz de protesto contra a pena de morte nos EUA, que continua sendo aplicada de maneira arbitrária e extremamente racista Numa época e num país em que todos se esforçam por emitir seus juízos e opiniões, o senhor Palomar adquiriu o hábito de morder a língua três vezes antes de fazer qualquer afirmação. Se na terceira mordida de língua ainda está convencido do que estava para dizer, então o diz; se não, cala-se. Na verdade, passa semanas e meses inteiros em silêncio. 
Foto: © KH Chia (Agência D’Arcy, 2002, Pequim / Diretor de Criação Eddie Wong / capa Graphis # 345) / © Arthur Sasse / Bettmann / Corbis (Albert Einstein, Princeton, Nova Jersey, 1951) / Foto © Erich Klemm / © James Victore (cartaz The Death Penalty Mocks Justice, 1995, MoMa) / Italo Calvino (Palomar, tradução Ivo Barroso, Companhia das Letras, 1994)